Entrevista coletiva com o Prefeito de Óbidos Chico Alfaia

Entrevista coletiva com o Prefeito de Óbidos Chico Alfaia

Nesta segunda-feira, dia 30, aconteceu na Casa da Cultura uma entrevista coletiva com o prefeito de Óbidos Chico Alfaia, como também concedeu entrevista pra a Rádio Santana, o qual fez um balanço de sua administração nestes três anos de mandato a frente do Município. Fizemos um resumo de alguns pontos que foram tratados nas entrevistas:

Quanto a Erosão da Juracy Matos

Quanto a Erosão da Rua Juracy Matos (Buracão da AABB), fez um histórico da erosão que atinge a rua e parte do Campo de Futebol da AABB e informou que prefeitura não tem recursos próprios para resolver o problema e que tem projeto para fazer um porto municipal no local, para o qual o aporte de recurso é mais de 1,6 milhões e também existe a possibilidade de fazer uma parceria com empresa particular pra fazer o porto e explorar o porto por um período pré-determinado. Que neste momento está sendo feito um trabalho paliativo para minimizar o problema. Informou também que as pessoas que estão nessa área de risco tem que ser retiradas, com pagamento de ajuda de custo por alguns meses.

Quanto ao Asfalto da PA-437

Alfaia informou que recebeu representantes da Empresa Capitólio e de Órgão do Governo e que na segunda semana de janeiro os engenheiros estarão chegando para resolver o problema da PA-437, os quais irão construí galerias mais profundas para receber uma vazão maior das águas pluviais e resolver o problema. Será refeito também o asfalto.

Quanto as Escolas

Comentou sobre a construção de escolas, como a escola da comunidade de Trindade, a Escola Duque de Caxias que deverá ser feita no Bairro do São Francisco, a escola Felipe Patroni, que segundo Alfaia, os projetos foram apresentados à Secretaria de Educação, o qual custará cerca de 2 milhões de reais, entre outras realizações.

Quanto ao Transporte Escolar

Iniciou falando que o Transporte escolar não estava bom e que realizou um pacto com a população para denunciar as irregularidades que houvesse no transporte, pois segundo Alfaia, o que chegava na prefeitura era que o transporte estava sendo feito, mais na verdade não era bem assim. Que foi feita licitação e que agora está funcionando bem melhor e se o transportador não fizer o transporte, não será pago. Afirmou que ainda é preciso melhorar o transporte ainda mais.

Quanto as lanchas que estão paradas no Logo Pauxis, informou que as lanchas não são do município, elas são cedidas, apenas são utilizadas. “Chegamos a uma conclusão, as lanchas gastam muito combustível e a manutenção delas é muito alto. E mesmo mandando consertá-las, elas quebram novamente, muitas vezes no dia seguinte. Neste momento é preferível que a gente alugue lancha, porque a manutenção é feita pelo próprio dono e tira esse ônus do município. Vamos pelo menos tentar a retificação de algumas delas, das que estão em mais em condições. Mas já estamos fazendo pedido de lanchas mais econômicas pra nós mesmos e ônibus, pois depois de mais de 6 anos conseguimos abrir o sistema do Mec. Nosso foco mesmo será a terceirização”, informou Alfaia.  

Quanto a Saúde

Alfaia falou de forma geral sobre os problemas encontrados na Saúde do município e comentou que hoje a Secretaria de Saúde já fornece um serviço melhorado para a população. “Fizemos o Projeto de reforma Comunidade Liberdade que começaremos em breve.  No Paiol não tem Posto de Saúde, hoje o projeto está pronto pra colocarmos esse posto em funcionamento”, informou. Quanto a construção e reformas e construção das UBS, informou que a UBS do Curumu, Igarapé Açu e Arapucu já foram entregues, quanto a do São José, 90% concluída e do Matá em fase de conclusão, que será entregue em breve. Informou também que a UBS fluvial está sendo construída em Manaus, com 60% já terminado, deverá ser entregue até o final de janeiro. Centro de referência da saúde da mulher está sendo construído no Bairro de Bela Vista, entre outras demandas.

Quanto ao Mercado, Fortaleza Gurjão e Forte Pauxis

Alfaia explicou sobre a situação do Forte Pauxis e que semana passada foi entregue um novo projeto com acessibilidade e que está em fase de captação de recursos. Explicou também sobre  motivos que as obras foram paralisadas. Quanto a Fortaleza Gurjão já existe um projeto para revitalizar o local, em fase de captação de recursos. Quanto ao Mercado Municipal o projeto também está pronto, também em fase de captação de recursos.

Alfaia também falou sobre Projeto  Orla e de Contenção do Cais do Porto, da rotatória, da pavimentação das ruas da cidade, operação tapa buraco, Projeto da Rua Antônio Fernandes, Cobertura do Estádio Arizão e reforma, entre outros assuntos.

www.obidos.net.br

AUDIOS DA ENTREVISTA...

Download
Name
Play
download
alfaia-1

download
alfaia-2

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS