Um dia triste para Óbidos: Patrimônio histórico demolido

Um dia triste para Óbidos: Patrimônio histórico demolido
Estado do Casarão antes da demolição
Estado do Casarão antes da demolição

O Casarão Histórico, situado na rua Deputado Raimundo Chaves (Rua Bacuri), S/N, está no chão. Finalmente conseguiram demolir parte da história de Óbidos! Mesmo depois de protestos e resistência por parte de obidenses contrários a demolição desse casario histórico, com denúncias ao Ministério Público, com recomendação da MP à prefeitura, Nota da AALO, não teve  jeito, neste domingo, dia 11/09/2016, pela manhã, registramos em fotografia, máquinas demolindo por completo o Casarão.

O “Casarão da Bacuri”, como era conhecido pelos obidenses, foi abandonado há anos e estava bastante deteriorado, mas segundo alguns especialistas, tinha a possibilidade de ser recuperado. Ano passado, um empresário comprou o imóvel com objetivo de demolir para dar lugar a uma agência do BanPará. Mesmo com toda polêmica e muitas pessoas contrárias, a demolição total aconteceu neste domingo, dando fim, em parte, da história de Óbidos.

No “Casario da Bacuri”, segundo a arquiteta e historiadora Jussara Derenji, funcionou a sede da Compnhia Francesa, cujo o diretor era o Francês Paul Le Cointe.  O projeto do Casario teria sido Francês, o que justificaria os detalhes requintados: externos-ornatos nas sobrevergas e internos - forros. A cobertura era em telhas tipos Marselha da Olaria Landi. O Casario foi também residência do Intendente Corrêa Pinto.Casarão na década de 60.

Em 1908, o Álbum do Estado do Pará, descreve a Companhia de Le Cointe, “Compagnie Agricole et Commerciale du Bas Amazone”, fundada em 1907 e autorizada a funcionar em Óbidos, no referido Casario.

“É necessário a preservação do patrimônio histórico e cultural, pois esse patrimônio é o testemunho vivo da herança cultural de gerações passadas que exerce papel fundamental no momento presente e se projeta para o futuro, transmitindo às gerações por vir as referências de um tempo e de um espaço singulares, que jamais serão revividos, mas revisitados, criando a consciência e construindo a sua história” (MAIA – 2003).

www.chupaosso.com.br

Fotos de Odilei Santos

FOTOS...

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS