ÓBIDOS: ontem e hoje - Estádio General Rego Barros

ÓBIDOS: ontem e hoje - Estádio General Rego Barros

Por João Canto. 

O Quartel de Óbidos, inaugurado em 1909, possuía a sua frente uma grande área, que era utilizada apenas pelos soldados engajados à época, para suas atividades físicas. Em 1944*, a área em frente ao Quartel, denominada Estádio General Rego Barros, foi aberta para o lazer de toda comunidade obidense, onde atividades esportivas e grandes festividades aconteciam. 

Estádio General Rego Barros em 1965 durante um desfile de 7 de setembro. 

O Estádio General Rego Barros abrigou o futebol obidense por muitos anos, em partidas memoráveis entre os tradicionais times obidenses como o Paraense Esporte Clube, o Mariano Futebol Clube, o Santos Futebol Clube, o Esporte Clube Obidense – ECO e outros, sem falar das partidas intermunicipais e amistosos.


Antigo Estádio General Rego Barros, década de 60, ao fundo o Quartel de Óbidos. Foto: Acervo do Museu de Óbidos

O Estádio também era utilizado em desfiles das escolas no dia 7 de setembro, comemorando a independência do Brasil, assim como, na década de 70, abrigou por vários anos o Torneio Aberto do Interior,  do qual participavam muitos times das comunidades da região, chegando a 100 equipes.

 
Desfile de 7 de Setembro no Estádio General Rego Barros, em 1965

Com a inauguração do Estádio Ary Ferreira, no Bairro da Cidade Nova, em novembro de 1992, o antigo Estádio General Rego Barros perdeu a hegemonia do futebol local, quando as partidas foram transferidas para o Estádio Arizão, como é denominado pelos obidenses.


Praça da Cultura (Sesquicentenário) em 2009. Foto: João Canto

Hoje, o complexo do antigo Quartel de Óbidos foi restaurado e nesse monumento histórico obidense funciona a Casa da Cultura, o qual é denominado Palácio José Veríssimo.


Praça da Cultura (Sesquicentenário) e ao fundo o Quartel de Óbidos. Foto: João Canto (2009)

O espaço do antigo Estádio General Rego Barros, que passou a ser denominado Sesquicentenário, também conhecido como Praça da Cultura, foi todo modificado e hoje, é bastante utilizado para os mais diversos eventos sociais, como os desfiles da semana da pátria, festivais folclóricos e musicais, bem como o mais famoso de Óbidos, o Carnapauxis.


Carnapauxis (2019) na Praça da Cultura, antigo Estádio General Rego Barros. Foto João Canto.

* Priante, Dino. Óbidos de Antanho: Crônicas de Dino Priante. 2019. 

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS