Beneficiários da Bolsa Família terão que se recadastrar até o final de fevereiro

Beneficiários da Bolsa Família terão que se recadastrar até o final de fevereiro

A Coordenadora do programa Federal Bolsa Família em Óbidos, Sra. Mara Pinheiro de Souza, em entrevista realizada nesta segunda-feira, dia 30, falou sobre Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico - que credencia os brasileiros a receberem a Bolsa Família e outros programas sociais, e alertou que quem não se recadastrar poderá perder os benefícios.

Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) é um sistema que contém informações sobre as famílias brasileiras de baixa renda agrupadas em um só lugar. Através do CadÚnico, essas famílias então, tem a possibilidade de ingressarem ou permanecerem em programas sociais promovidos pelo Governo Federal.

“Nós estamos tendo dificuldades com as pessoas que estão recebendo o benefício da Bolsa Família, é que eles não estão vindo atualizar o CadÚnico. Já tem família que está há mais de dois anos sem atualizar e essas pessoas que estão nessa pendência ter seus benefícios bloqueados ou cancelados, o que já está acontecendo ultimamente”, informou Mara.

Portanto, as pessoas que são beneficiárias dos programas sociais do Governo Federal, terão que atualizar seus cadastros, se não esses benefícios poderão ser cancelados.  “Pedimos a todas as famílias que recebam benefícios sociais do Governo Federal, que nos procurem aqui na Secretaria de Promoção Social que nós estaremos fazendo as atualizações dos cadastros ou mesmo a inclusão no sistema, pois o prazo é até agora em fevereiro” comentou Mara.

Mara também falou da operação “pente fino”, que fez um Raio-X das famílias que recebiam a Bolsa Família. Em Óbidos, cerca de 210 famílias constavam na lista, na qual havia empresários, falecidos, servidores públicos, os quais estavam recebendo a Bolsa Família indevidamente. Quanto a esse assunto, Maria informou: “Nós fizemos um levantamento dessas famílias através de visitas com a assistente social e esses dados foram enviados para Ministério Público Federal. Agora estamos esperando a resposta pra ver o que vai acontecer. Não sabemos ainda se essas famílias que receberam o benefício indevidamente terão que devolver”.

Segundo as informações prestadas, em Óbidos têm cerca de 6 mil famílias que recebem a Bolsa Família, sendo que dessas famílias, cerca de 1500 famílias ainda não realizaram a atualização dos cadastros que poderá ser feito até o final de fevereiro, sem os quais poderão perder seus benefícios.

O responsável familiar deve estar portando alguns documentos de identificação dele e dos outros membros de sua família para realizarem o recadastramento, esses documentos são:

- CPF e Carteira de Identidade de todos os membros da família

- Certidão de Nascimento/Casamento de todos os membros da família

- Documentos que comprovem a renda per capita e total da família

 

www.chupaosso.com.br

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS