Lembrando das Irmãs do Colégio São José

Lembrando das Irmãs do Colégio São José

A Escola Estadual de Ensino Médio São José, situado à rua Deputado Raimundo Chaves, 304, em Óbidos, foi fundada em janeiro de 1911, pelo Bispo Dom Amando Bahlman. Na época de sua fundação, recebeu o nome de Ginásio São José, e sua administração ficou sobre a responsabilidade das Irmãs Franciscanas, oriundas da Europa, mais especificamente de Portugal.

Durante a primeira década de existência da escola, a mesma abarcou exclusivamente o curso primário, sendo que o sistema de funcionamento era através de regime de internato e externato, apenas feminino. Em 1921, as Irmãs franciscanas foram substituídas na direção do educandário pelas Irmãs da Congregação Imaculada conceição. A partir dessa data sentiu-se a necessidade de ampliar a estrutura física da escola, pois o número de educandos crescia consideravelmente a cada ano.

Passaram pelo Colégio São José muitas Irmãs, que eram professoras e formaram muitas gerações de obidenses que se espalharam mundo afora. A Farmacêutica Marília Coelho foi uma das obidenses que passou pelo São José e atualmente reside em Belém do Pará. Recentemente Marília entrou em contato com a irmã Berckman, hoje com 93 anos, uma das irmãs que passou pela escola e que atualmente está vivendo em Fortaleza, Ceará, a qual fez o seguinte relato:

“Ontem (13/02/20) tive a grata satisfação de falar ao telefone com Irmã Berckman, nossa ilustre professora de Biologia, no Colégio S. José, em Óbidos. Está morando em Fortaleza/Messejana, onde também reside Irmã Ermelinda, ambas estão na foto desta matéria).

A Irmã Berckman, com 93 anos, está lúcida, porém com dificuldades de locomoção, por conta de artrose nos joelhos. Lembrou de nossas aulas experimentais com animais (Curso Pedagógico, Foto 1 de 1970) e dos belos trabalhos ornamentais das ruas, para a Festa de Corpus Cristhy (Foto 2 de 1968, nas proximidades do Colégio São José). Demonstrou grande satisfação pelo que alcancei ao longo da vida, que foi alicerçada em seus imensuráveis ensinamentos, despertando o gosto para a ciência e a opção em cursar Farmácia, para exercê-la na área Hospitalar, onde permaneci até a aposentadoria. Lembrou das pessoas da época, demonstrando alegria por ter tido a experiência de morar em Óbidos e contribuir para a formação de tantos. 

Ao procurar saber de Irmã Guilherma, nossa professora também e da Irmã Ercilia, esta minha Catequista de 1ª Eucaristia, lamentou já não estarem entre nós. 

Ao despedir-se expressou grande contentamento, dizendo-me que ficaria a buscar na memória as boas lembranças que levou consigo de Óbidos.

Que São José, a Imaculada Conceição e Sant'Ana, estejam a cuidar intercedendo por ela e demais freiras da Congregação, que estiveram em terras obidenses”, relatou Marília Coelho.

A partir de 1965 o Colégio São José passou para o comando do Governo do Estado do Para, que implementou várias reformas educacionais, sendo que atualmente o prédio foi devolvido a Diocese de Óbidos, que o cedeu para a Prefeitura de Óbidos para funcionamento da Escola Felipe Patroni.

O Colégio São José funcionou por mais de 100 anos no referido prédio, formando cidadãos obidenses, contribuindo significativamente para a educação de Óbidos e do Estado do Pará.  A Escola São José funciona atualmente  no Bairro de Santa Terezinha em um novo prédio construído pelo Governo do Estado do Pará.

Fotos cedidas por Marília Coelho

www.obidos.net.br

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS