Prefeito de Óbidos presta conta dos 3,5 anos de mandato em entrevista coletiva

Prefeito de Óbidos presta conta dos 3,5 anos de mandato em entrevista coletiva

Em entrevista coletiva à imprensa obidense, realizada nesta sexta-feira, 1º de julho, o Prefeito de Óbidos fez um balanço de sua gestão neste três anos e meio de mandato a frente da Prefeitura de Óbidos.

Realizamos um resumo de alguns pontos destacados durante a entrevista, veja:

Quanto as obras realizadas

- O Prefeito iniciou falando das obras realizadas no município de Óbidos, segundo ele, cerca de 70 obras estão sendo desenvolvidas, sendo que algumas ainda estão em andamento, outras em fase de conclusão. Comentou que são obras que atendem a parte de infraestrutura. Citou a construção do Centros Integrados na comunidade de Vila Barbosa, Vila Roberta e de Poranga. Informou que até o final de seu mandato irá inaugurar todas as obras. Comentou sobre as dificuldades do Municípios e os desequilíbrios das contas dos municípios, que influenciam no desenvolvimento de algumas obras. Comentou sobre a conclusão do asfalto em Óbidos e que os trabalhos irão ser concluídos, já autorizado pelo governo do estado.

Quanto ao Carnapuxis

- Comentou sobre a evolução do carnaval obidense, denominado Carnapauxis, e que no evento que já é considerado como o melhor e maior carnaval de rua da região Oeste do Estado. Enfatizou que o primeiro carnaval de seu mandato destoou dos demais, entretanto nos dois últimos anos melhorou bastante, e que o de 2016 foi um dos melhores carnavais dos últimos anos. Comentou também sobre a realização de alguns eventos como: Arraiá dos Pauxis, Festival Folclórico de Óbidos, Festival da Musica Obidense (FEMOB), e sobre o apoio aos lançamentos de livros em Óbidos.

Quanto ao pagamento dos servidores municipais

- Sobre este assunto iniciou falando que atraso de salário não irá acontecer. E sobre a causa no atraso no pagamento de alguns  servidores. O Prefeito garantiu que os servidores municipais irão receber seus salários e que as situações impostas aos Municípios, fizeram com que isso acontecesse. Citou como um dos motivos foi queda na arrecadação do FPM - Fundo de Participação dos Municípios e do FUNDEB. Informou que a Prefeitura passou por uma “turbulência” e que ainda não foi fechada algumas secretarias referente ao mês de maio, e afirmou “Tenham certeza de uma coisa, meu habito e minha criação não permite dar calote em ninguém”. Informou que pagou os servidores quando recebeu da gestão passada que estavam atrasados e que em seu mandato, os salários dos servidores irão ser pagos com certeza.

 Quanto a Energia Elétrica

- Comentou sobre o rebaixamento do Linhão e que Óbidos que tem atualmente energia de qualidade. E que o programa Luz para Todos vai prosseguir, pois com a energia de qualidade, vai possibilitar a sua expansão e que técnicos da concessionária de energia elétrica estão fazendo o levantamento dos moradores rurais e comunidades para receberem energia.

 Quanto Minha Casa Minha Vida

- Referente ao programa Minha Casa Minha Vida, informou que casas foram construídas no Bairro de Bella Vista, sendo que 47 casas ainda não foram entregues por conta da falta de energia elétrica e que em breve vai ser implementada. Quanto a questão da água garantiu que vai ser construída um microsistema de água para melhorar a distribuição para todo o Bairro de Bella Vista.

Sobre o Bairro São José Operário

- Sobre um dos mais novos Bairros de Óbidos, São José Operário, falou das melhorias e um dos problemas é a distribuição de energia que é de responsabilidade de Celpa Equatorial e que já foi feito o contato com a empresa no sentido de realizar a instalação de energia elétrica nesses bairros, cabendo a prefeitura realizar a instalação de iluminação pública. Comentou também da falta de espaço nesses bairros para a construção de Unidade Saúde, Micro Sistemas de água entre outras obras de infraestrutura, é um problema, devido os terrenos desses bairros terem sido uma ocupação desordenada, invasão.

Sobre o Casario da Bacuri

- Questionado sobre a Prefeitura não ter condições de tombamento da Casario da Bacuri, em recente declaração do Procurador do Município, o Prefeito argumentou que devido as tecnologias atuais tudo é possível ser reconstruído, mais o problema maior são os custos. “Eu não sou contra cultura, eu não sou contra o passado, eu não sou contra que se reestabeleça os casarios, pelo contrário, acho que ao longo do tempo já deveria ter sido feito isso, não deixar deteriorar e ficar de uma forma quase que irrecuperável. Não vai ser de bom alvitre, que nós numa dificuldade tremenda de pagar os servidores, os credores, de ter uma rua onde o morador não pode sair com um doente porque a ambulância não chega na porta, ai eu vou investir num casario? Temos que ser sensatos. No momento não temos como recuperar isso daí”.  

Além do Prefeito de Óbidos, estava presente o Secretário de Sr. Giovane Giordano, que falou sobre o lançamento do programa Nota Fiscal de Serviços eletrônicas, que será realizado no dia 4 de julho, a partir das 19h30min, no auditório da Casa da Cultura.

www.chupaosso.com.br

 

Fotos de Odirlei Santos

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS