Rotary doa duas mesas de cirurgia para Santa Casa de Misericórdia, em Óbidos

Rotary doa duas mesas de cirurgia para Santa Casa de Misericórdia, em Óbidos

Duas mesas de cirurgia foram doadas para a Santa Casa de Misericórdia do município de Óbidos, que é administrada pela Fraternidade São Francisco de Assis, sediada em Jaci e presidida pelo frei Francisco Belotti. A boa ação de rio-pretenses vai beneficiar um hospital que é referência para 50 mil pessoas a 2 mil quilômetros de distância daqui: em Óbidos, no Pará.

As mesas que estavam sendo utilizadas eram inadequadamente apoiadas sobre pedaços de madeira. "Essas duas mesas vêm no melhor momento, porque as que têm lá são precárias. São de um valor inestimável", considera Belotti. Uma será utilizada para partos normais e a outra para as demais cirurgias e cesarianas.

Os R$ 32 mil para comprar os itens foram arrecadados pelo Rotary Club de Rio Preto a pedido da Fraternidade, que encaminhou um projeto ao clube. As camas foram simbolicamente entregues nesta segunda-feira, 7. As duas peças já estão em Óbidos. A de parto já está sendo utilizada; já a de cirurgia está guardada até inauguração de nova ala. O hospital realiza cerca de 20 cirurgias por mês e até 90 partos.

A Santa Casa de Óbidos enfrentava problemas em junho de 2014, quando a administração foi assumida pela equipe do interior paulista. A ida da Fraternidade para a Amazônia foi um pedido do papa Francisco, em 2013. Agora, o hospital passa por uma ampliação de cerca de três mil metros. Já são realizados cerca de 20 cirurgias por mês e até 90 partos.

Os membros do Rotary e amigos fizeram a doação do valor. Segundo Amélia Fernandes de Souza Freitas, presidente, é costume realizar projetos que façam a diferença na vida de instituições de caridade. "O frei Francisco tem um trabalho muito importante, que já é bem conhecido. Resolvemos abraçar essa causa", afirma.

Amélia fica sensibilizada com a situação das mulheres da região amazônica. "Eu que tive meus filhos em hospital com toda a assistência, recursos, carinho da família, me dá a sensação de que a vida delas vai melhorar muito quando forem ter os filhinhos porque vai ser tudo feito com mais segurança, assistência de médicos."

Frei Joel Souza, que trabalha na Santa Casa, diz que as mesas são oportunidade para melhorar o atendimento às pessoas. "Isso graças à solidariedade e sensibilidade que através dessa rede do bem nos ajuda a continuar investindo e fazendo com que cada vez mais esse povo querido da Amazônia possa receber uma saúde digna e com justiça", acredita.

Rede da saúde

A 70 quilômetros de Óbidos fica Juruti, onde a Fraternidade também administra o Hospital Nove de Abril na Providência de Deus. As duas unidades de saúde servirão de apoio para o Barco Hospital Papa Francisco, que deve começar a funcionar no primeiro trimestre de 2019, atendendo 700 mil habitantes de mil comunidades ribeirinhas do rio Amazonas.

Em abril, foi realizado o "batismo" do casco da embarcação, que foi para a água pela primeira vez em Fortaleza, onde fica o estaleiro da Marinha. Esse ato serve como teste e também como um ritual de bênçãos para o navio de 32 metros de comprimento.

Solidariedade

Segundo Amélia, serão realizadas ações em prol da Fraternidade. A próxima é uma feijoada, no dia 19 de maio. A renda será revertida à instituição. Informações podem ser obtidas pelo telefone(17) 3227 4613.

As doações para a Fraternidade, que coordena 60 projetos, podem ser feitas diretamente ao Departamento de Captação de Recursos pelo (17) 3283-9070.

FONTE: www.diariodaregiao.com.br

VÍDEO..

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS